À Deriva


Seguindo os passos de Givenchy e Yves Saint Laurent, Alexandre Herchcovitch entra para o mundo do cinema compondo o figurino do longa À Deriva. A história se passa em 1984, mas nem pense em ombros marcados ou cores flúor, pois nada na criação do top estilista é caricato.

Usando suas memórias de adolescente, Alexandre conta que pensou em uma mala de viagem para cada personagem. Camisetas despojadas, tênis da Redley e shorts tipo runner compõem o acervo do filme, que foi 95% comprado em brechós e ainda contou com itens do acervo pessoal do estilista. Chique, não?

Mas nada vai chamar mais atenção e deixar os fashionistas morrendo de desejo do que o visual de Camilla Belle, a nossa mistura de Lula com Obama (já que a atriz nasceu nos Estados Unidos, mas é filha de mãe brasileira), na pele de Ângela. Ela surge com incríveis turbantes (já antecipei a tendência aqui) e camisetões com estampas étnicas. “O turbante combina muito com o rosto dela, emoldurando sua beleza e ressaltando as sobrancelhas e os olhos”, diz Alexandre. Não vai ter tecido que me aguente para sair arrasando de turbante por aí. Crtl+C/Crtl+V nos turbantes de Camilla já!


Inscreva-se no
meu canal no
youtube!
CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário, quero saber o que você achou!

30 comentários em “À Deriva”

  1. luizas_042@hotmail.com::Marinny Ricchiever::O turbante é um acessório realmente lindo e que valoriza o formato do rosto. As estampas da blusa e do vestido usados por Camilla Belle são lindas e bem diferentes. Gostei dos comentários feitos por Lalá.

Deixe uma resposta